Quem sou eu

Minha foto
Professora há 25 anos, tenho 43 anos , pedagoga , licenciada e bacharel em Letras . Casada , mãe ... e extremamente feliz e realizada!!!

Saudação!!!

Ola queridos alunos...
Sejam bem vindos ao meu blog...
beijinhos

quinta-feira, 23 de junho de 2011

semana de provas

* 27/06/2011-segunda-feira- Avaliação Bimestral de Língua Portuguesa

* 28/06/2011-terça-feira - Avaliação Bimestral de  Matemática e revisão de História

*29/06/2011-quarta-feira- Avaliação Bimestral de História , nota no caderno de Artes e revisão de Ciências

*30/06/2011-quinta-feira- Avaliação de Ciências e revisão de Geografia

* 01/07/2011-sexta-feira Avaliação de Geografia e confecção da capa

Pessoal estudem bastante!!!!
beijos

sábado, 4 de junho de 2011

Semana de 06/06/2011

06/06/2011- Língua Portuguesa - Simulado da Prova Brasil

07/06/2011- Interpretação de Texto Língua Portuguesa

08/06/2011- Avaliação Mensal de História _ Escravidão

09/06/2011- Geografia .... revisão das Regiões Sudeste e Norte

10/06/2011- Artes Projeto Botero e Tarsila -

11/06/2011- Festa junina !!!!

eta coisa boa.. beijos

Geografia 02/06/2011

Região Norte




É a maior região do Brasil e ocupa quase a metade do território do nosso país. É formada por sete estados: Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima, Pará, Amapá e Tocantins, que juntos ocupam uma área de 3853327 km e possui cerca de 13 milhões de habitantes.

As atividades econômicas, os costumes alimentares e as moradias na região Norte são influenciados pela presença da Floresta Amazônica e da grande quantidade de rios.

A região Norte tem como característica marcante a presença de Floresta Amazônica. Grande parte da sua população, no entanto,vive nas cidades, principalmente nas capitais. Cerca de metade da população do Amazonas, por exemplo, está concentrada em Manaus.

A grande quantidade e variedade de árvores da Floresta Amazônica atraiu muitas madeireiras para a região. Grande parte delas explora a madeira de forma ilegal, contribuindo para destruir cada vez mais a floresta. Nesse município, foi criada a Zona Franca de Manaus, que é um importante pólo industrial e comercial, onde os produtos são mais baratos por haver menos ou menores impostos. Ela atrai pessoas de outros municípios e até de outros estados.

Os rios são importantes vias de circulação na região Norte. Pessoas e mercadorias dependem de embarcações para irem de um lugar a outro. Muitas comunidades só podem ser alcançadas de barco.

História 1/06/2011

A RESISTÊNCIA À ESCRAVIDÃO




Os africanos e os seus descendentes que foram escravizados não aceitaram a condição de escravos e lutaram de diversas formas contra dominação que foram submetidos. Os escravos resistiram á dominação, por exemplo, preservando costumes africanos , como a religião , as músicas e as danças . Eles podiam também reagir de modo violento, rebelando-se e ateando fogo nas senzalas e nos canaviais e até mesmo atacando os feitores e os senhores.Entre as formas de resistência utilizadas pelos escravos , uma das mais importantes era a fuga e a formação de quilombos. Os quilombos eram povoamentos formados por escravos que conseguiam fugir dos seus senhores. Esses povoamentos, geralmente, ficavam escondidos nas matas, em lugares de difícil acesso.Os quilombos sempre foram combatidos pelos senhores e governantes, que temiam que um número maior de escravos fugisse e se abrigasse nessas comunidades. Para tentar intimidar os escravos e evitar que eles fugissem do cativeiro, haviam leis que previam severas penas para os escravos que fugitivos.

[...] todos os negros , que forem achados em quilombos , estando neles voluntariamente, se lhes ponha com fogo, uma marca em uma espádua com a letra F, [...] e se quando se for achado já com a mesma marca, se lhe cortará uma orelha[..] Apesar da perseguição dos senhores e dos governantes , os escravos formaram quilombos em toda as partes do Brasil.

O FIM DA ESCRAVIDÃO




Apesar da resistência dos escravos à dominação e da sua luta pela liberdade , até meados do século XIX, era a mão-de-obra escrava que produzia a maior parte da riqueza no Brasil. Naquela época , começaram a ganhar força idéias em favor da abolição da escravidão. Essas idéias eram defendidas por escritores , pintores , músicos, políticos e muitos outras pessoas que tomaram parte no movimento abolicionista , e que se uniram à luta dos escravos em defesa do fim dessa grande injustiça. Os escravos e alguns grupos da sociedade buscaram formas de pôr fim a esses tipo de trabalho. Em 1980 , o tráfico de escravos da África p/ o Brasil foi proibido, por Lei . E vieram outras como: Lei do Ventre livre, de 1871 , depois Lei dos Sexagenários de 1885.Finalmente , no dia 13 de maio de 1888, o governo brasileiro aprovou a LEI AUREA , que colocou fim em quase 350 anos de escravidão no Brasil.

QUILOMBO DE PALMARES




O quilombo mais importante Já formado foi o quilombo dos Palmares , que ficava localizado onde atualmente se encontra os estados de Alagoas e Pernambuco. O quilombo de Palmares resistiu durante quase todo o século XVII , e chegou a contar com cerca de 20 mil habitantes . Esse quilombo ocupava uma área de 50 km de largura por 150 km de extensão, e era formado por onze mocambos ou povoamentos.Este quilombo era organizado nos moldes dos reinos africanos: cada mocambo tinha um chefe, e esses chefes elegiam um rei , que governava todo o quilombo. O principal líder de Palmares foi ZUMBI , que governou durante os últimos anos de existência do quilombo. Hábil guerreiro , ele comandou os seus homens e conseguiu resistir ao ataque de diversas tropas enviadas para destruir o quilombo. No ano de 1695 , uma grande tropa foi e enviada pelo governo de Pernambuco para destruir Palmares. Essa tropa era comandada pelo bandeirante Domingos Jorge Velho e contava com quase três mil homens muito bem armados , inclusive com canhões. Depois de resistir durante muitos dias aos ataques dessas tropas, o quilombo foi invadido e destruído. Muitos quilombolas morreram , e os sobreviventes foram levados de volta para o cativeiro. Zumbi escapou com vida , dois anos depois, ele foi traído por um antigo companheiro, caiu em uma emboscada e foi morto. Zumbi dos Palmares tornou-se um símbolo da luta dos descendentes de africanos pelos seus direitos. O dia 20 de novembro , dia da morte de Zumbi, foi escolhido como o dia da Consciência Negra.Assim como Palmares , a maioria dos quilombos foi destruída, e os quilombolas foram mortos ou tiveram que voltar para o cativeiro. Mas vários se salvaram como Jamary do Preto em Maranhão

Avaliação mensal de História 25/05/2011

EMEF Ugo Arduini


Taboão da Serra _____ de ______________ de 2011.

Nome_____________________ Nº__ 5º ano ____



AVALIAÇÃO MENSAL DE HISTÓRIA



No Brasil, a escravidão teve início com a produção de açúcar na primeira metade do século XVI. Os portugueses traziam os negros africanos de suas colônias na África para utilizar como mão-de-obra escrava nos engenhos de açúcar do Nordeste. Os comerciantes de escravos portugueses vendiam os africanos como se fossem mercadorias aqui no Brasil. Os navios que transportavam os escravos da África para cá eram chamados de “tumbeiros”. A viagem da África para cá – ou para outros lugares – era horrível. Os negros vinham amontoados nos porões, acorrentados, sem as mínimas condições de higiene – o mau cheiro predominava nesses porões, porque as necessidades tinham de ser feitas ali mesmo. A comida era pouca. A má alimentação e a falta de higiene provocavam doenças e muitos morriam durante a viagem. Note que, mesmo assim – com o grande número de escravos que morriam – a viagem era muito, mas muito lucrativa. Chegando ao Brasil, eram colocados à venda nos mercados, onde ficavam à mostra, em exposição. Quem queria comprar, escolhia o mais apropriado para as suas necessidades; examinando minuciosamente, para saber as qualidades do escravo: força, saúde etc. Como os africanos chegavam doentes e emagrecidos por causa das más condições da viagem, antes de ir para o mercado de escravos passavam por um tempo de ”engorda”. Eram então alimentados com uma mistura de farinha e água, para “engordar” logo e adquirir um aspecto saudável.

a - Em que condições os negros vinham para o Brasil?

__________________________________________________________________________________________

b - Por que mesmo com a perda de vários negros, a viagem ainda era altamente lucrativa para os mercadores de escravos?

____________________________________________________________________________________________

c - O “regime de engorda” tinha o objetivo de melhorar a saúde do negro? Explique.

__________________________________________________________________________________________

d- Como se chamava os navios que traziam os negros da

África? _____________________________________

e- Como você explica a violência que foi a escravidão , por que você acha que nossos ancestrais fizeram tal maldade?

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________



Boa prova !!!

História 25/05/2011

Escravos na cidade


Nas cidades os escravos podiam trabalhar como artesãos, escravos domésticos ou escravos de serviços urbanos.Os escravos artesãos exerciam ofício de carpinteiros, pedreiros, alfaiates, sapateiros, barbeiros, cabeleireiros, ferreiros, entre outros.Os escravos domésticos eram responsáveis pelo funcionamento da residência do senhor. Trabalhavam como porteiros, cocheiros, cozinheiras, copeiros, lavadeiras, engomadores, pajens, mucamas, coletores de lixo e de esgotos, carregadores e outros.Os escravos de serviços urbanos passavam o dia na rua alugando os seus serviços, e eram responsáveis sobretudo pelo transporte de mercadorias e de passageiros. Entre os escravos de serviço urbanos havia também os escravos vendedores ambulantes, que circulavam pelas ruas vendendo vasilhames, cestos, doces, água, leite, pão, alho cebola, café, galinha, lenha, etc.Apesar de serem obrigados a entregar a maior parte do que ganhavam aos seus senhores, esse escravos eram os que tinham maior possibilidade de conseguir alforria.

A escravidão na Minas


Os escravos não trabalhavam como escravos somente nos engenhos durante mais de anos eles foram a principal- mão-de-obra na realização dos mais diversos tipos de trabalho em nosso território . A descoberta do ouro provocou um grande deslocamento de pessoas em direção ao território a possibilidade enriquecer rapidamente fez com que muitas pessoas de todas as regiões do Brasil, e também de Portugal , se dirigissem para a região de Minas . Um grande número de escravos de vários partes do Brasil , foi levada para trabalhar na Minas muitos outros foram trazidos da África e levados para as minas. Apesar das condições de vidas dos escravos que trabalhavam nas minas serem muito difíceis , ele tinham maiores chances de conseguir a liberdade do que os escravos que trabalhavam no engenho. Os escravos das Minas podiam , por exemplo garimpar nas horas de folga e juntar ouro para comprar a sua alforria , ou seja sua liberdade , muitos enriqueciam e conquistaram uma situação privilegiada na sociedade mineira.

Língua Portuguesa 23/05 à 26/05

A galinha reivindicativa


"Em certo dia de data incerta um galo velho e uma galinha nova encontraram-se no fundo de um quintal, entre uma bicada e outra, trocaram impressões sobre como o mundo estava mudado. O galo, porém, fez questão de frisar que sempre vivera bem, tivera muitas galinhas em sua vida sentimental e agora, velho e cansado, esperava calmamente o fim de seus dias.

Ainda bem que você está satisfeito - disse a galinha. - E tem razão de estar, pois é galo. Mas eu, galinha, fêmea da espécie, posso estar satisfeita? Não posso. Todo o dia pôr ovos, todo semestre chocar ovos, criar pintos, isso é vida? Mas agora a coisa vai mudar. Pode estar certo de que vou levar uma vida de galo, livre e feliz. Há já seis meses que não choco e há uma semana que não ponho um ovo. A patroa,se quiser, que arranje outra para esses ofícios. Comigo, não, violão!

O velho galo ia ponderar filosoficamente que galo é galo e galinha é galinha e que cada ser tem sua função específica na vida, quando a cozinheira, sorrateiramente, passou a mão no pescoço da doidivanas e saiu com ela esperneando, dizendo bem alto: 'A patroa tem razão: galinha que não choca nem põe ovo só serve mesmo é pra panela'.

Moral: Um trabalho por jornada mantém a faca afastada."



Millôr Fernandes, "Pif-Paf". Edição de O Independente.

01- Responda :


a- Narrador:

b- Foco Narrativo:

c- Espaço:

d- Tempo

e- Personagens : protagonista antagonista secundários

f- Clímax:

g- Desfecho;



02- O que a galinha quis dizer com a pergunta” isso é vida?”

( ) que a vida é maravilhosa

( ) que suas atividades são sacrificantes

( ) que é muito fácil a sua vida



03- Qual é a diferença entre: galo velho e velho galo.



04- O narrador diz que o galo é velho e a galinha é nova. Que importância tem isso para o desenrolar da história?

A – ( ) É que o galo tem idade para ser pai da galinha.

B – ( ) É que o fato do galo ser mais velho lhe dá maior experiência de vida, e a galinha ser nova faz com

que seja mais imatura.

C – ( ) É que o galo não serve mais para ser comido e a galinha sim.

D – ( ) É que a galinha era reivindicativa e conseguia tudo o que queria através de seus manifestos



05- A galinha dessa história, que na verdade representa uma mulher, pode ser considerada uma feminista?

A – ( ) Não, pois não reclama de nada e gosta da vida que leva.

B – ( ) Não, pois aceita sua condição social.

C – ( ) Sim, pois acha que os homens poderiam também chocar e servir para a panela, como elas.

D – ( ) Sim, pois considera os homens uns privilegiados.

06- Como você define a personalidade da galinha?

07- O que a galinha quis dizer com a expressão “vida de galo”?

08- Explique a expressão: “Comigo não, violão!”

09- O significa “reivindicar? O que você reivindica? Por quê?

10- Qual mensagem podemos extrair desse texto?

A – ( ) Que todas as vezes que reivindicamos somos atendidos.

B – ( ) Que devemos aceitar tudo calados e nunca reclamarmos de nada.

C – ( ) Que devemos ouvir os mais velhos.

D – ( ) Que cada um deve cumprir com suas funções específicas, senão poderá ser punido.



Baseado no texto escreva uma carta e um bilhete

Seguidores